Histórias de cobertura Rio +20: o embarque

Saída rumo ao Rio de Janeiro (RJ) no aeroporto de Brasília, fila para despachar a mala e espera para o abastecimento do avião. Encontro com Sthael Samara, nossa produtora e foto no saguão de embarque. No trajeto, fiquei aliviada ao saber que no aeroporto Santos Dumont há um procedimento inovador chamado RNP-AR-Approach, que otimiza o uso do espaço aéreo, o que reduzirá, indiretamente, minha pegada de carbono para essa locomoção para cobrir a Rio+20.

Sthael e eu conversamos sobre o tipo de cobertura que queremos fazer e nossas reais possibilidades levando em conta as limitações de uma agência de notícias universitária. A começar porque esquecemos os coletes de trabalho, o cabo de transmissão de fotos e também porque só vamos contar com o equipamento privado de cada um nós. Não foi possível liberar material patrimonial da universidade como a máquina fotográfica. A filmadora que o cinegrafista Ivan Brandão levou só servirá para matérias especiais pois não foi disponibilizado computador com o software de edição necessário. Com o atraso do vôo de uma hora, vamos chegar ao Rio pouco antes do almoço, às 11h30.

Anúncios

Compartilhando ...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s