Histórias de cobertura Rio +20: voltando para casa

No aeroporto, encontramos Ivan Brandão, o nosso cinegrafista, e juntos comentamos sobre nossas limitações de equipamento ou de central de produção. Concordamos que a experiência deva ser repetida mais vezes pela Agência de Notícias UniCEUB.  Também falamos que se tivéssemos tido acesso ao credenciamento oficial no Riocentro, ele nos teria levado ao céu e ao inferno ao mesmo tempo.

Estávamos alojados muito longe, a viagem de ônibus pela orla do Rio de Janeiro até o Riocentro é uma hora e meia. Com engarrafamento, umas duas a três horas. Isso daria, todo dia só de deslocamento, quatro horas, no mínimo. Por outro lado, se tivéssemos acesso às informações que estavam transitando dentro da Conferência Oficial poderíamos tê-las enlaçado com os demais acontecimentos dos eventos paralelos.

Cada um de nós falou de nossos bons momentos durante a cobertura e Ivan lembrou que a família dele ficou muito orgulhosa de ver o vídeo que ele produziu ser divulgado para todo o Brasil no quadro Outro Olhar no telejornal da TV Brasil.

A experiência foi primorosa. Levo comigo novas idéias para as aulas práticas de Jornalismo assim como para as aulas teóricas. Levo também idéias para o Blog Entreposto e a certeza de que o campo da Sustentabilidade é uma área de cobertura jornalística que precisa de aprimoramento. E, sabendo disso, fiquei muito feliz quando minha amiga Regina me cedeu o PDF com o Ensaio Acadêmico do sociólogo Elimar Nascimento, professor do CDS/UnB. Elimar no Ensaio busca entender a Sustentabilidade não como valor ou como conceito, mas como um campo sociológico. Quando tiver concluído a leitura do Ensaio, comentarei o assunto aqui no Entreposto.

Histórias de cobertura Rio +20: fim do ciclo

Missão cumprida. Amanheci hoje (domingo, 24 de junho) com a certeza de que realizei o que me propus a realizar: cobrir a Rio+20 pela Agência de Notícias UniCEUB.  Fiz uma cobertura rica em pessoas, em vida e em acontecimentos. Estivemos presentes nos quatros espaços concentradores de eventos paralelos da Rio+20:  Pier Mauá (orla portuária), Espaço Humanidade (Forte de Copacabana), Cúpula dos Povos (Aterro do Flamengo) e Parque dos Atletas (Barra, em frente ao Riocentro).

Não estivemos no Riocentro para a cobertura oficial da Conferência das Nações Unidas porque o departamento de Divulgação da ONU não nos concedeu credenciamento por não sermos um veículo comercial. Cobrimos a Rio +20 por agência universitária de notícias do UniCEUB.

Durante a cobertura, escrevi todos os dias. Mas não postei (publiquei). Nosso modem não entrega a velocidade de acesso à internet que promete na propaganda. Também não tinha tempo de ir todos os dias a uma lan house para postar. Tomei a decisão de não me irritar com as limitações e deixei para postar os textos, os vídeos e as fotos em outra ocasião. Ainda não foi dessa vez que transformei o Blog Entreposto num espaço jornalístico real time.